Causas Frequentes

Masculina

Varicocele

A doença é a causa de infertilidade masculina mais frequente, apesar de 2/3 dos portadores serem férteis. Consiste em uma dilatação anormal das veias que drenam os testículos. Aproximadamente 80 a 95% dos casos estão somente do lado esquerdo e 10 a 20% são bilaterais. Raramente se apresenta isoladamente no lado direito. Seu diagnóstico é baseado no exame físico e em exames complementares, sendo mais largamente difundido o ultrassom com Doppler de bolsa testicular. O tratamento dessa afecção é cirúrgico.

Femininas

Disfunção ovulatória
A anovulação é definida como a condição na qual o desenvolvimento e a ruptura folicular estão alterados e, portanto, o oócito não é liberado do folículo. A principal causa de dificuldade de ovulação é a Síndrome dos Ovários Policísticos. Outras causas importantes são: doenças da glândula tireóide e aumento da produção da prolactina. Mulheres com mais de 35 anos de idade naturalmente podem apresentar dificuldades de ovulação.

Alteração das tubas uterinas
A doença tubária é uma das principais causas de infertilidade feminina. As moléstias inflamatórias pélvicas, principalmente as causadas por Chlamydia e Gonococo, são as causas mais comuns de distorção e perda de função das tubas uterinas. A endometriose também pode atingir as tubas uterinas, prejudicando seu funcionamento.

Endometriose
É uma doença que se caracteriza por presença de tecido endometrial fora da cavidade uterina, podendo afetar mais comumente o tecido que reveste a cavidade abdominal (peritônio), os ovários, as tubas uterinas, dentre outros órgãos femininos. Acredita-se atualmente que esta doença seja responsável por grande parte dos casos de infertilidade feminina. Os principais fatores que levam à infertilidade decorrentes de endometriose são:

Alteração nas tubas uterinas, sendo que, nesta condição, as tubas podem se tornar impérvias e sem mobilidade; Alteração na ovulação, que pode levar à dificuldade de produção ovular e à perda de qualidade dos óvulos; Interferência no processo de fertilização, uma vez que a endometriose pode dificultar a penetração dos espermatozoides nos óvulos.

Fator uterino
Qualquer doença que leve a alterações ou deformidade da cavidade uterina (onde está localizado o tecido endometrial) pode causar dificuldade de implantação embrionária. Assim, miomas que, por seu tamanho e/ou localização, deformam a cavidade endometrial são causas de infertilidade feminina. O mesmo podemos dizer sobre os pólipos endometriais. Outras situações menos comuns são aquelas em que há formação de cicatrizes na cavidade uterina, após curetagem ou infecção. Ainda entram nesta lista as deformidades congênitas da cavidade endometrial: septo uterino, útero bicorno e útero didelfo.